CONCENTRAÇÃO DE VINHAÇA

Sem dúvida, a tecnologia de concentração de vinhaça surgiu como uma ótima alternativa para o setor industrial. Isso porque diminui o volume do resíduo, reduz custos operacionais e torna o manejo mais sustentável, uma vez que atende demandas ambientais e socioeconômicas.
Em seguida, saiba mais sobre concentração de vinhaça, as vantagens e conheça alguns equipamentos de ponta desenvolvidos pela Citrotec®.

Sistemas de concentração de vinhaça

Há muito tempo a vinhaça é tema de pesquisa de institutos, universidades e empresas. Os objetivos são, principalmente, encontrar cada vez mais técnicas eficientes de utilização e formas de reduzir os custos e o impacto no meio ambiente.

Neste cenário, o sistema de concentração de vinhaça atua transformando um grande problema ambiental e financeiro em uma verdadeira solução econômica e sustentável.

Dentre as principais aplicações da concentração de vinhaça, estão a fabricação de adubo e de DDG no caso da vinhaça proveniente do milho.

A técnica de concentração de vinhaça por evaporação oferece sistemas mais eficientes, com equipamentos de múltiplos efeitos por névoa turbulenta descendente. Nele, a operação ocorre com vapores de baixa pressão, com mínimo consumo energético e menos problemas por incrustações. Além disso, são mais compactos em comparação aos outros tipos.
A concentração de vinhaça por evaporação é a mais usada pelas usinas hoje em dia.

Tecnologias de concentração de vinhaça – Ecovin® e Ecovin JL®

O princípio de evaporação por névoa turbulenta descendente é aplicado pela Citrotec® em dois equipamentos concentradores de vinhaça: Ecovin® e o Ecovin JL®.
O Ecovin® é um potente evaporador de concentração de vinhaça que, utilizando o princípio de névoa turbulenta descendente, reduz em 10 vezes o volume da vinhaça. Isso permite que a vinhaça concentrada tenha utilização para diversos fins como, por exemplo, adubo líquido orgânico, o que traz grande economia com transporte e adubação no campo. E ainda, possibilita o aproveitamento do vapor de baixa pressão (V1).
O Ecovin® é utilizado também na concentração de vinhaça de milho. O benefício de se operar uma planta de concentração de vinhaça de etanol de milho, é o de tornar a planta em um circuito fechado, onde não há vinhaça indo para o campo. A vinhaça é incorporada ao DDG.

Já o Ecovin JL®, teve seu projeto desenvolvido em uma parceria entre a Citrotec® e a ETECH do cientista em destilarias Jaime Lacerda, um ícone no setor sucroenergético. Potente evaporador de concentração de vinhaça, o Ecovin JL® é um sistema de concentração de vinhaça que, utilizando o princípio de névoa turbulenta descendente e acoplado às colunas de destilação, permite a produção de álcool com a vinhaça já concentrada, sem consumo adicional de vapor.

O Ecovin JL®, mantém contínuas melhorias em parceria com a ETECH. Seu sistema de concentração de vinhaça para milho, utiliza também o princípio de névoa turbulenta descendente, acoplados às colunas de destilação ETECH, para produzir etanol de milho com a vinhaça concentrada sem consumo adicional de vapor. A vinhaça de milho é incorporada ao DDG.

A implementação desta tecnologia está alinhada ao custo de produção da vinhaça concentrada versus o custo do transporte rodoviário para ser utilizada no campo, dependendo do grau de concentração associado, que indicará o tamanho do equipamento e o gasto com energia. A concentração da vinhaça, além da produção de um adubo orgânico com manejo mais próximo do adubo mineral, produz ainda um condensado vegetal, que dependendo da sua qualidade, pode ser reutilizado no processo, possibilitando o uso da água da própria cana, e consequentemente diminuindo-se a captação de água dos recursos hídricos.

Concentração de vinhaça – vantagens

São incontestáveis os benefícios ambientais, sociais e econômicos dos sistemas de concentração de vinhaça. Especialistas calculam que o retorno do investimento nesta tecnologia pode variar, dependendo das linhas de financiamento disponíveis, do custo dos fertilizantes e da economia com a logística.

Há também a diminuição da quantidade necessária, já que o resíduo concentrado pode cobrir até o dobro da área em comparação a in natura. Além disso, a aplicação inadequada pode provocar um desequilíbrio de nutrientes, acumulando potássio nos solos e contaminando as reservas de água subterrâneas.

Confira os principais benefícios da concentração de vinhaça:

• Diminuição do volume;
• Baixo consumo energético;
• Menor necessidade de captação e uso de água;
• Reaproveitamento da água retirada da vinhaça nos processos industriais e agrícolas;
• Diminuição da saturação do solo;
• Menos riscos de contaminação ambiental;
• Redução da incidência de moscas do estábulo e outras pragas;
• Processo mais sustentável e dentro das leis ambientais;
• Menor custo com logística de fertirrigação, como transporte e equipamento;
• Operação fácil e automatizada;
• Menor custo de investimento, com bom retorno financeiro;
• Equipamentos feitos de bons materiais, como aço inoxidável;
• Menos incrustações, o que diminui a frequência de manutenção;
• Modelos com utilização de condensadores evaporativos autônomos, que eliminam uma fonte externa de água e torres de resfriamento;
• A vinhaça pode ser incorporada ao DDG;
• Melhor aproveitamento dos nutrientes da vinhaça pelo solo;
• Diminuição da compra de potássio.

São inegáveis as diversos vantagens do sistema de concentração de vinhaça na economia, no meio ambiente e na sociedade. Além disso, apresenta um retorno de investimento atrativo ao setor industrial, que deve adotar cada vez mais essa tecnologia.

Aplicação da Vinhaça no campo

A vinhaça concentrada tem utilização para diversos fins. Seu principal uso é o de fertilização como adubo líquido orgânico devido à alta concentração de potássio (K2O), trazendo economia comprovada com o transporte, pois reduz as viagens e os custos, além de permitir a dosagem precisa de potássio na área de cultivo.

Benefícios Agronômicos:

• Racionalização do K e equalização do seu teor no solo ao nível de maior resultado agronômico, permitindo o uso da agricultura de precisão.
• Reciclagem de K em 100% da área cultivada.
• Possibilidade de formulação de adubo único para soqueiras (enriquecimento com N, P2O5 e micronutrientes).
• Redução dos custos de operação de tratos de soqueira.
• Aumento de produtividade na ordem de 5,0 - 8,0 t/ha.
• Racionalização da logística de transporte e aplicação.
• Adequação ambiental ao processo.
• Controle da proliferação da mosca do estábulo.
• Adubação biológica.

Especialistas comentam: Mosca de Estábulo

• O inseto se multiplica nos restos da cultura de cana irrigada com vinhaça in-natura e nos canais de vinhaça que são eliminados com a concentração.
• Este inseto encontra lugar para reproduzir e se alimentar na vinhaça in-natura utilizada para fertirrigar. • Causam grandes perdas para a agropecuária.
• A região com maior proliferação é cercada de cana-de-açúcar, irrigadas com vinhaça in-natura devido ao empoçamento desta.
• A aplicação da vinhaça concentrada é a mais indicada para o controle da mosca.